• Café das Sextas: Mais para quê?

    terça-feira, dezembro 20, 2005

    Mais para quê?

    "Carmona Rodrigues alerta para falta de polícias municipais em Lisboa"

    Carmona Rodrigues quer aumentar o número de efectivos da Polícia Municipal de Lisboa. Segundo ele, a Polícia Municipal tem um número insuficiente de elementos e será por isso que não realiza mais acções de vigilância, nomeadamente nas zonas mais atingidas pela sinistralidade rodoviária. No entanto, não me parece que a fiscalização do tráfego rodoviário seja a principal incumbência da Polícia Municipal (Missão da Polícia Municipal de Lisboa). Aliás, tenho dúvidas que tais acções estejam dentro do raio de acção da mesma.

    Dando uma olhada às actividades recentes da Polícia Municipal de Lisboa fico com a ideia de que, com 391 efectivos policiais, se podia apresentar mais trabalho feito.

    Eu vivo e trabalho no concelho de Lisboa, não me transporto de forma "entubada", faço-o à superfície, e deve dar para contar pelos dedos de uma mão as vezes em que, ao longo de 7 anos, vi agentes da Polícia Municipal. Ou andam à paisana ou fazem por não serem vistos. Mais ainda, da única vez que recorri à Polícia Municipal a coisa correu tão mal que os resultados foram apenas(?!?) graves indícios de corrupção.

    Está-se mesmo a ver que a maior vantagem do aumento do número de efectivos da Polícia Municipal de Lisboa será o aumento da massa assalariada da Câmara Municipal de Lisboa e a correspondente garantia de mais umas centenas de votos nas próximas autárquicas.

    0 Comentários:

    Links para este post

    Criar uma hiperligação

    Enviar um comentário

    << Home